19 de outubro de 2016

Crescer faz parte...


Crescer faz parte... mas dói... mas você está sempre sorrindo...
Você é gigante em seus sonhos e nem precisa nada dizer. Você se encanta com coisas tão simples desprezadas, imperceptíveis por tantos... O fato de poder tocar as coisas que gosta, de olhar, de dizer, de sentir e de amar...
São tantas responsabilidades as que tenho em ser sua mãe... Tantas superações minhas, e tenho que levantar, tenho que ser igual a você nem que seja um tiquinho...
Eu deixo você crescer... Quero crescer também... Quero aprender muito mais com você...

(Adriana Silva)

11 de outubro de 2016

Ser mãe de alguém como eu é missão que Deus só entrega a mulheres especiais como você.


Num raro momento de felicidade, recobrei a consciência e por alguns instantes libertei-me do corpo. 
Livre dos embaraços físicos pedi a Deus a oportunidade de comunicar-me com você.
Sei o quanto sofre ao ver-me no corpo excepcional, onde me abrigo como filho do seu coração, por isso quis falar-lhe:
- Saiba mãezinha querida, antes de receber-me carinhosamente em seu ventre, eu era um náufrago nos mares espirituais do sofrimento, foi você a praia que me acolheu devolvendo-me a segurança.
Não pense que se eu tivesse morrido ao nascer teria sido melhor para nós dois, é um engano cruel, pois o que mais importa para mim é viver, o seu amor é a força que pode prolongar- me à vida.
O corpo disforme que hoje me sustenta a vida, representa para mim um tesouro de bênçãos onde reeduco o meu espírito aprendendo a valorizar a vida.
Sei que sofres por eu não poder dar-lhe as alegrias de uma criança sadia, porem reconforta-me saber que para as mães como você, Deus reserva as alegrias celestiais.
Ser mãe é missão natural das mulheres.
Ser mãe de alguém como eu é missão que Deus só entrega a mulheres especiais como você.
Vou retornar ao corpo, assim como uma ave que retorna ao ninho onde se abriga das tempestades, mas antes rogo a Deus que lhe abençoe, colocando nesta rogativa a força da gratidão de um filho que teve a felicidade de Ter um Anjo como Mãe.

Autor desconhecido

3 de outubro de 2016

Te amo!


Eu não seu se fiz algo importante nesse mundo... Nem sei se valho alguma coisa ou se sou significante. Mas tenho certeza que fiz uma única coisa que posso dizer que valeu a pena existir só por isso: Ter feito você filha! 
Seja feliz sempre.... Independente de qualquer coisa... Independente do que aconteça... Estarei sempre olhando pra você... Te amo!

Adriana

Ser mãe...


Créditos da Imagem: Viver por Amor