3 de novembro de 2017

Aquilo que chamam de "doença" eu denomino de cura



Aquele corpo que não era o ideal para muitas pessoas, cheios de falhas, de atrasos de rótulos, de explicações e teorias para mim sempre foi perfeito.
Aquilo que chamam de doença eu denomino de  cura. E por mais que expliquem e tenham a razão que pertença a eles, ela sempre será puro encanto e amor.
Que Deus sempre cuide de sua preciosa vida filha! 

(Adriana Silva)

24 de outubro de 2017

Alegria compartilhada das crianças vale mais do que o orgulho solitário

Relacionamento Materno


Algumas vezes falar do relacionamento materno não é algo confortável. Todos nós temos as nossas cicatrizes de infância e sempre emponderamos nossas mães. Colocamos elas como seres perfeitos, mas são pessoas que erram. Aprendemos isso quando passamos pelo mesmo... Quando somos abençoadas pela maternidade. 
Talvez o maior conforto, é saber e ter alguém que nos ama mesmo com todos os nossos defeitos, mesmo que a gente não tenha entendido nossas mães. Talvez esse filho nos mostre que todas aquelas coisas que foram colocadas na nossa cabeça não existe, e a melhor coisa do mundo é ser admirado mesmo quando caímos na decadência. 

(Adriana Silva)

11 de outubro de 2017

Seguir em frente


Muitas vezes só conseguimos valorizar a beleza das coisas quando andamos por caminhos difíceis onde vemos que precisamos delas para seguir em frente.
(Adriana Silva)

2 de outubro de 2017

Coisas que gosto...


Gosto de imagens de corujas acho que está ligada a sabedoria. Essa achei linda, logo identifiquei eu e a minha filha. Gosto de imagens de sapinhos, acho eles sapecas. Gosto de borboletas pois elas são lindas e me lembram transformação, de joaninhas que me lembram infância, de margaridas que me lembram a beleza da simplicidade. 
Depois que a gente se torna mãe, passamos a projetar coisas que fazemos uma conexão com o mundo materno. Dentro de mim, há uma porção de coisas com seus significados ou a sensação e sentimentos. Gosto dessas coisinhas pois em tudo que vejo lembro que sou mãe. E por ser mãe, gosto tanto dessas coisinhas...

(Adriana Silva)

11 de setembro de 2017

18 anos!



Ela é engraçada sarrista, forte e batalhadora. É uma menina mulher, romântica, carinhosa, feminina, vaidosa, feliz, esperta, sorridente, geniosa, grata, desconfiada, inteligente, ansiosa, companheira, amiga, sincera, delicada e sonhadora. Ela é tantas coisas que não caberiam nesse texto!

Não temos palavras para agradecer pela oportunidade de ser seus pais! Você tem uma alma grandiosa, linda, limpa e serena... Coisa rara nesse mundo... Que passa por tanta coisa e leva a vida tão leve, tão agradecida, tão linda! Que não tem nem a malícia de olhar para o que possivelmente poderia lhe faltar e sim olha para o que tem. E esse ter é tudo!

Agradecemos por sua vida todos os dias, e o melhor de tudo é vivê-la de forma tão feliz! Passamos por tantas coisas, ao mesmo tempo que tudo foi vivido e enfrentado com tanto amor.  Só agradecemos pela filha maravilhosa que é! Agradecemos a Deus pela benção que é em nossa vida! 

Que continue assim, do jeitinho que é! Que seu sorriso continue a iluminar! Obrigada filha tão amada por nos guiar. Não fazemos nada demais... Nada mesmo! Nós que somos cuidados por você a cada dia! Obrigada por nos ensinar a cada dia que vivemos de forma errada nesse mundo, que devemos nos espelhar em você. Estamos engatinhando ainda é verdade, talvez nos prendemos muito aos tropeços da vida quando deveríamos olhar mais para o exemplo que vem de você! Mas vamos conseguir! Só queremos paz e amor pra cuidar de você de forma digna, incondicional e com todo amor que você merece!

Parabéns princesa! Você é maravilhosa! Vivemos, respiramos, amamos e sorrimos por você! Tudo está bem se você estiver bem! O resto a gente tira de letra pois nada faria sentido sem tê-la em nossa vida.

" Felicidade é uma coisa rara pois geralmente as pessoas costumam olhar para o que falta, olhar para o exterior, e achar que isso é tudo. Felicidade é encontrá-la mesmo que falte muitas coisas, mas ser tão feliz assim mesmo a ponto de não dar tempo de olhar para as perdas e nem para as aparências" (Adriana).

De duas pessoas das tantas que te amam,


Mamãe e Papai!

6 de agosto de 2017

És o motivo de eu despertar sorrindo


Eu quero continuar por toda a minha vida enxergando milagre em ti - e eu sei que continuarei - porque és a minha luz, o presente lindo que Deus colocou em minha vida. E por todas às vezes em que eu respirar e sentir o calor da sua presença, agradecerei em paz, pois és o motivo de eu despertar sorrindo. 

Ser mãe


Eu adoro ser mãe, mas não as 24 horas do dia. Até mesmo as que contam com um séquito de babás e motoristas fantasiam, de vez em quando, com uma vida sem dependentes. Não é pecado, não somos santas.

Martha Medeiros, crônica Ainda sobre as mães

17 de julho de 2017

Você é a menina dos olhos de Deus


Você é joia rara...
Flor delicada.
Você é projeto
arquitetado
em cada detalhe...
Dos pés a cabeça,
por dentro e por fora,
em cada detalhe
da sua história
porque você é 
menina dos olhos
de Deus.
*
[Sirlei L. Passolongo]

28 de junho de 2017

Texto de uma mãe especial para os fanáticos religiosos que não aceitam a condição do meu filho


Não precisa vir me consolar. Não estou de luto. Meu filho está vivo e celebro a vida dele todos os dias.

Não venha me falar que não acredito em Deus o suficiente porque não vou na sua igreja. Se você entendesse a essência de Deus realmente saberia que ELE não deixa de estar em uma pessoa por sua condição física. Deus está no coração e não na religião.

Não justifique a " doença" do meu filho (é assim que você a define) como obra maligna ou resultado de macumbaria na vida dele. Você sequer sabe o que ele passou. 

Não venha me dizer que ele vai ser curado de algo. A cura pra você seria o sorriso dele e isso você não tem capacidade de entender.

Não tenho culpa que você é raso e não sabe interpretar a profundidade do meu filho e o sentido que ele tem na minha vida. Você não entende porque só olha com os olhos de julgamento e não os olhos de amor. Olhos de julgamento só sabem dizer o que é certo e errado, o que deveria ser feito e de não aceitar o que ele é.

Entenda que você é deficiente de amor, e enquanto você não se tocar disso, Deus nunca fará a diferença na sua vida, não estará em suas atitudes, pensamentos e nem sentimentos.

Aprenda que quem o carrega sou eu! Pode ser difícil, mas eu o amo. É é com olhos de amor que faço tudo por ele sem reclamar, reconhecendo a dádiva que é tê-lo em minha vida. Desculpa se você não entende isso e ache que para acreditar em Deus temos que achar que as pessoas não possam ter limitações físicas.

Pra mim você é descrente. Pois é incapaz de aceitar alguém que seja diferente de você. Pra mim você não faz diferença, e só lamento por não aprender ter um décimo da sua Bíblia em suas atitudes. Os versículos que você profere não fazem sentido pois você não pratica em momento algum.

Se acha que estou sendo dura, não se esqueça: Quem fala o que quer, ouve o que não quer. Ame mais, e pare de vomitar suas ignorâncias nos nossos ouvidos. Na dúvida fique em silêncio. Não somos obrigadas a ouvir tanta besteira!

(Adriana)

15 de junho de 2017

Quando a gente se dá conta...


Quando a gente se dá conta, o tempo passou.
Os nossos sonhos foram mudando, nossos amigos também. Os filhos saíram do colo, o que parecia longe, ganhou sinais reais. O que era urgente, ficou para trás.
E aí a gente se dá conta, a vida é efêmera demais.
*
[Sirlei L. Passolongo

31 de maio de 2017

Desamparo materno


Esse sentimento de mãe em sua total solidão. 
Sentimentos só seus, únicos e compreensíveis apenas a si. 
Essa impotência tão contraditória diante da magnitude que a empoderam. 
Mãe chora baixinho, suporta, sofre e armazena tudo em seu gigante coração
Mãe deixa de dar a si pra dar ao seu filho nem que seja apenas pão.

(Adriana Silva)

12 de maio de 2017

Mãe...



Ser mãe é uma tarefa árdua, difícil, mas é a mais bonita e doce que conheço.
Temos que conviver com a realidade de não ter super poderes para tirar a dor do nosso filho;
Temos mais força do que imaginamos quando menos esperamos;
Temos mais intuição do achamos ter, e as usamos sem perceber.

Ser mãe é ser delicadeza e fortaleza. É ser gigante mesmo em suas fragilidades.
Ser mãe é eternizar o amor em seus braços, e finalmente ser levada por ele.
Ser mãe é se culpar, se perdoar e se abençoar. É ter intuição para poder caminhar.
Ser mãe é ter maturidade pra aprender com seus erros e acertos, e de sua experiência suas melhores habilidades.

Pra ser mãe não necessitamos de um dia, mas se ele existe que sejamos valorizadas assim como damos valor e amor à nossas, pois palavras sem atitudes não bastam.
Pra ser reconhecidas precisamos que todo dia seja o dia das mães.
Desejo a você um feliz dia das Mães!
Que a força sempre esteja com você.

(Adriana)

10 de maio de 2017

Elo Materno


Há elos humanos que só um coração materno pode experimentar. É incomensurável o vínculo que os congrega. O corpo filial é um desdobramento físico do seu. Ossos nascidos de seus ossos, carnes extraídas das suas, sangue retirado de seu sangue.

(É Sagrado Viver- Pe Fábio de Melo)

1 de maio de 2017

Ser Mãe é todo dia...


Ser mãe é  todo dia... 
Todas as dores e alegrias fazem parte de sua vida. 
Ser mãe é uma rosa com espinhos: Um não sobrevive sem o outro.
É desprender o cordão umbilical desejando que seu filho seja feliz.

(Adriana Silva)


14 de abril de 2017

Amor compreendido e correspondido...


O amor de mãe
é um amor que tem a capacidade de vestir e despir...
O amor de filho também faz isso...
Ele nos veste de incertezas
e vai nos despindo das certezas...
Ele nos desmascara da nossa prepotência de que somos fortes o tempo o todo
e nos mostra também que não somos fracas...
No final das contas, o que importa dentre todas as verdades
é o que de fato resta: O amor correspondido e compreendido.

(Adriana Silva)

27 de março de 2017

Você é a flor mais linda que carrego comigo...


Não importa como eu me sinta: Forte, fraca, linda, feia, uma benção ou um desastre.
Lá está você com seus olhos brilhantes cheio de amor.
Só tenho a agradecer por ter a chance de sua mãe ser, de caminhar entre flores e espinhos, mas ter a certeza que a flor mais linda eu carrego sempre comigo. Que sempre me enfeita com suas asas de admiração e deslumbramento como se eu fosse algo divino.
Não tenho palavras pra agradecer a sua existência, sentir o seu carinho e saber que eu sou tão importante pra você o quanto é pra mim.
Te amo filha. Sempre!

Adriana Silva

15 de março de 2017

Poder Supremo.


Talvez eu esqueça, não veja, ou não seja aquele brilho que você me vê, 
Nos seus olhos vejo-me refletida como um ser gigante.
Mesmo cheia de lama, envolta pelas lutas, dores e cansaço
Você vê em mim a real beleza com seus olhos de amor.
Um diamante jamais se suja mesmo na lama
E de você, filha querida tenho o poder supremo:
Aquele que simplesmente ama.

(Adriana Silva)

2 de março de 2017

Minha filha


Eu não te carrego. 
Você que me guia. 
Com todo o cuidado do amor.
Espinhos no caminho me torturam, mas você me abraça.
E vamos seguindo nessa vida onde trocamos os papéis
E unimos corações.
Você é o maior tesouro que eu poderia ter 
Minha filha!

(Adriana Silva)

3 de fevereiro de 2017

Dias atrás


Dias atrás, nem sonhava em ter você...
Minha vida se transformou pra ver
E de você me tornei mãe...
Hoje, eu não saberia o que fazer de mim
Se você não existisse!
Dias atrás eu não me cansava tanto
Mas também não sorria
Com tamanho amor.
Dias cinzas, dia de dor
Acompanhados sempre com uma flor
E essa flor sempre é : Você!
Filha amada! 

(Adriana Silva)


10 de janeiro de 2017

Apenas amor...


Fui e sigo sendo uma mãe bem normalzinha. Que acerta, que erra, que faz o melhor que pode. Em comum com as supermães, apenas o amor, que é sempre inesgotável. Mas medalha de honra ao mérito, não sei se mereço. Não me julgo sacrificada e tampouco sublime.’
___________________ Crônicas de Martha Medeiros

9 de janeiro de 2017

Sua beleza...


Dentre todas as flores, as mais belas você se destaca... 
Bela, colorida, cheirosa e radiante...
Mas sem as flores de nada valeria os sentidos:
do olfato, paladar, audição e tato...
E sem você, as flores não poderiam florir
E você sem elas, não poderia sorrir.

(Adriana Silva)